terça-feira, 27 de dezembro de 2011

2011 #1

Há precisamente um ano eu estava num estado que se pode definir como "literalmente-na-merda".

2010 estava a terminar e eu tinha posto fim a um relacionamento de um ano e meio e tinha problemas no trabalho, com a comunicação social a publicar informação a que supostamente apenas eu tinha acesso, o que prejudicava a imagem da instituição onde exercia funções (com a agravante de a informação ser publicada de forma falsa e deturpada).

Não estava habituado a falhar e de repente tinha que lidar com 2 fracassos: um pessoal e outro profissional. No entanto, não contei com 2 factores: os amigos e a capacidade que a Vida tem de nos surpreender.

Logo no final do ano um grupo de amigos MUITO especiais do Porto arrancou-me da apatia e arrastou-me para aquele que viria a ser um dos inícios de ano mais especiais de sempre: rodeado de neve nos Picos da Europa. E a partir do dia 1 de Janeiro de 2011 tudo melhorou:


(chegada a San Izidro - passagem de ano 2010/2011)


- Ganhei coragem para fazer a viagem a Marrocos com a L., de que há tanto tempo falávamos: meti-me com ela num jeep e atravessámos o interior de Marrocos de N a S, numa caravana de Todo-o-Terreno... atravessámos dunas, perdemo-nos no deserto, enfrentámos tempestades de areia, quase me estampei com o carro numa floresta de cedros, apanhámos nevões no Atlas, percorremos desfiladeiros, fomos ameaçados com porrada, atravessámos uma manifestação em plena altura de insurreições da "primavera árabe" e tomámos café no mítico "Argana" dois dias antes de ele explodir;





(travessia de Marrocos ao som da música que marcou esta viagem)

- Tive um acidente de viação (já em Portugal) que levou a que tivesse que ser internado 5 dias para exames e observações; aqueles dias de internamento foram dos melhores deste ano: foram dias de muitos mimos, rodeado da família e dos amigos, passados a ler e a ouvir música no pouco tempo em que não tinha visitas;

- Resolvi a questão das notícias falsas de uma vez por todas;

- Fiz o Curso de Formação de Formadores: aprendi imenso e conheci pessoas fantásticas com quem janto uma vez por mês;

- Fiz um curso de potencial financeiro e isso reflectiu-se na forma como passei a gerir o dinheiro;

- Aprendi que o que as pessoas parecem nem sempre corresponde ao que são de facto (e acho que isso me vai ser útil da próxima vez que pensar em avançar para um namoro);

- Concorri a um anúncio de emprego e consegui, com 29 anos, o emprego que apenas pensava alcançar aos 40 anos, numa multinacional;

- Despedi-me com chave de ouro do anterior emprego e tive direito a uma festa surpresa de despedida (ganhei bons amigos naquele sítio);

- Fui a 3 casamentos (adoro casamentos), um deles do meu irmão, e foram fantásticos;

- Fui a um baptizado em Aveiro da filha de uma amiga muito especial;

- Transcendi-me e dei uma festa de arromba à beira-mar, ali para as bandas do Estoril, para celebrar os 30 anos, com a ajuda de uma organizadora de eventos espantosa, de um DJ fora de série e com a presença de todos os amigos (que vieram desde pertinho, até ao Porto, Aveiro, Alentejo, Açores, Moçambique ou Nova Iorque);



(festa dos 30)

- Inscrevi-me num Curso de História de Arte do Séc. XX, que estou a adorar;

- Fiz um Curso de Mergulho e desenvolvi uma paixão que quero explorar nos meus tempos livres;

- Fui passar uma semana a Londres, desgracei-me nas compras e enfartei-me de cultura;



(Londres - National Gallery)


- Conheci mais restaurantes novos neste ano do que nos dois anos anteriores;

- Conheci 2 pessoas extraordinárias;

- O ano ainda não acabou e já temos programa para uma passagem de ano muito especial num cantinho mágico;

- Também recebi um convite para uma coisa muito gira para fazer em Abril do ano que vem (um dia destes conto do que se trata);

A Vida e os amigos (incluo aqui a família) fizeram de 2011 um dos anos mais fantásticos destes 30 que já passei. Quero agradecer:

- ao R. e ao J., que me levaram aos Picos da Europa e fizeram com que eu deixasse o passado triste no sopé da Montanha;
- à L. que me ajudou a redescobrir a liberdade na vastidão de Marrocos;
- ao P., que me deu o discernimento para enfrentar uma jornalista de vão de escada;
- à D. e demais colegas, que me ensinaram tanto no domínio da comunicação e me recordaram a Lição da Alegria;
- ao P. e ao C., que me revelaram o Poder que tenho cá dentro;
- à minha Directora nova, que me acolheu em Lisboa e em Madrid com total liberdade e confiança no meu trabalho;
- à M., ao J., ao M., à S. e a tantos outros, que tanto me ensinaram nos 2 anos e meio que passei no anterior emprego;
- ao meu irmão, que me recordou a Lição da Família;
- à M., que me ensinou a importância de termos sempre um refúgio longe do ruído do dia-a-dia;
- ao R., que me ensinou a ver o que as pessoas são, e não o que parecem;
- ao B., que me acolheu uma vez mais em Londres e me recordou que naquela cidade estarei sempre em casa;
- ao P. e ao J., que conheci este ano e que em tão pouco tempo me despertaram um entusiasmo que não tinha há um ano;
- a todos os que estiveram presentes naquela noite em Julho, que dançaram e brindaram comigo e me fizeram sentir que esta Vida é tão especial.

E agora... venha 2012!

PS: há ainda dois agradecimentos... a Pepper e a M., cuja companhia e cujos telefones foram o refúgio de milhares de desabafos ao longo do ano, e onde encontrei o discernimento para avançar com grande parte das decisões que pautaram 2011 (ESTÁ MELHOR ASSIM, PEPPER?)

7 comentários:

pinguim disse...

Realmente um ano fantástico, mas o herói és tu.
Sem a tua capacidade de dar a volta, por um lado; e de imprimir um ritmo e uma inovação em tudo o que fazes, não estarias aqui a contar o que foi este teu ano de 2011.
Votos de um 2012 tão bom ou melhor (será difícil...)

pepper disse...

bahhh...nao tive direito a agradecimento...:P

Backpacker disse...

Tu estás incluída na festa dos 30 :D

um coelho disse...

Que post espetacular, e que ano em cheio!
Começas logo pela passagem de ano num sítio onde eu adorava ir, talvez não no inverno, mas na primavera ou verão, deve ser um paraíso para trecking e as vistas devem ser fenomenais. Em Abril estivemos para fazer essa viagem, mas depois decidimos que era melhor ficar por Portugal, e uma violenta discussão em Viseu levou-nos para Madrid, lol.
A viagem a Marrocos deve ter sido fantástica, o vídeo está muito giro. Normalmente também tenho músicas que associo a certas viagens.

E uma última coisa que me deixou a rir. Nós também te conhecemos (virtualmente) este ano, e também somos o P e o J, lol!

Backpacker disse...

Ó Coelho é caso para dizer que há muitas Marias e Coelhos na terra :)

Pinguim: um 2012 muuuuito feliz para ti também :D

Anónimo disse...

Tiveste um ano fantástico, mas faço minhas as palavras do Pinguim: o herói és tu.

O mundo precisa de mais homens assim, Backpacker!

Backpacker disse...

Que disparate: o mundo precisa é de pessoas felizes :)